OFICIAL CUMPRE FIELMENTE RESOLUÇÃO DA SSP E ACABA “PRESO” POR JUIZ EM CAMPINAS

Nesta data o Comando de Força Patrulha do 8 BPM/I (Campinas) foi preso em flagrante pelo crime de desobediência pelo juiz que conduzia uma audiência de custódia, por ter se recusado a efetuar a escolta de presos dentro do fórum, por ser uma atribuição da Polícia Civil, que estava presente e não cumpriu a sua obrigação, conforme preconizado na Resolução SSP 102 e a Portaria PM3-002/02/16.

Compareceram o Sr Cmt CPI-2, Sr Cmt do 8 BPM/I e Supervisor Regional que ratificaram a postura do Oficial perante o Juiz Corregedor de plantão. 
A DEFENDA PM foi comunicada com a ocorrência em andamento, entrou em contato com o Oficial, disponibilizando assistência jurídica para impetração de HC em favor do mesmo e representação contra o Juiz por abuso de autoridade. A Associação ainda publicará Nota de Repúdio sobre o fato.

Ao final, foi elaborado um Termo Circunstanciado em desfavor do Oficial.

É a DEFENDA PM fazendo o seu papel. Falando e agindo em prol de nossa oficialidade e da Instituição, assim como vem fazendo no caso da Resolução do TJM em prol da prerrogativas da PM em apurar os crimes militares.

Deixe uma resposta